Jaciara

Rafting e as belezas naturais de Jaciara incrementam o turismo em Mato Grosso.

O nome Jaciara, se deve a Lenda da Índia Jaciara, a Senhora da Lua, no texto Vitória Régia. O nome tem origem Tupi-Guarani.
A região onde Jaciara está localizada já era habitada há muitos anos, conforme mostram inscrições rupestres, encontradas em grutas do município. Também por ali já habitavam índios Bororos, que oficialmente formam a primeira presença humana nativa da região matogrossense.
Hoje, Jaciara é uma cidade progressista com uma população de 27.000 habitantes, que está localizada 140 km ao Sudeste de Cuiabá. Possui uma crescente infra-estrutura de serviços com hotéis, restaurantes, balneário, policiamento, instituições de ensino e tudo mais que uma cidade que tem potencial turístico necessita.
É uma região turística, produtora de águas minerais, próximo dos maiores pólos empresariais do Mato Grosso com um sistema viário que garante rápido acesso às rodoviárias e aeroportos.
Em Jaciara você vai encontrar lugares de rara beleza, para serem apreciados e fotografados: Rios, Cachoeiras, Sítios Arqueológicos, Piscinas Naturais, Parque Aquático, Rapel, Rafting e muito mais.
Ao longo do Rio Tenente Amaral e rio São Lourenço, forma-se um dos mais belos conjuntos de cachoeiras do Centro-Oeste e ao longo do Rio Tenente Amaral, são realizados em botes infláveis passeios com muita adrenalina, percorrendo 3 km de corredeiras de nível I ao nível IV, onde encontraremos a corredeira do Rebojão, a Tamburelo e o Salto do Bambu que é a maior e a mais emocionante queda d’água, onde também teremos a chance de conhecer a Cachoeira da Fumaça uma bela queda de 30 metros de altura.
Inscrições ruprestes encontradas no Vale das Perdidas, falam da cultura de uma civilização já extinta. Essas inscrições, segundo estudiosos, datam de mais de cinco mil anos. Os arqueólogos franceses Denis Vialou e Agueda Vilhena Vialou,em 1984, localizaram os Sítios Arqueológicos em abrigos sobre rochas, onde paredões exibem pinturas rupestres datada pelo carbono 14 entre 3.630 e 4.610 anos, caracterizando como Zona Pré-Histórica. Além de figuras de animais, “agricultura primitiva” e figuras humanas, chamam a atenção as raras figuras que insinuam a prática de sexo grupal.
Uma parte de nossa história que deverá ser preservada para sempre. Para isso, o apoio e consciência de quem as visitam e das autoridades competentes se faz muito importante para sua continuidade e fortalecimento do turismo na região.

Localização

A localização estratégica, com acesso fácil às principais vias de escoamento de produção, faz de Jaciara um município privilegiado em se tratando de logística de transporte.

O município é atendido pelas rodovias federais: BR-163 e BR-364, as mais importantes e movimentadas rodovias de ligação do sudeste ao oeste brasileiro.
Além disso, Jaciara está localizada entre as duas principais cidades do Estado: Cuiabá (140 km) capital e Rondonópolis (60 km).
Outro fator que merece ser estacado é que Jaciara está a apenas 60 km do futuro Terminal de Cargas da Ferronorte, que será instalado no município de Rondonópolis, onde também será implantado um porto seco (EADI).
MEIOS DE ACESSO:
Rodovias:
– BR-163 – Faz a ligação asfáltica com os demais estados do Brasil. Corta o Mato Grosso no sentido norte-sul, passando por Jaciara em direção a Santarém, no Pará.
– BR-364 – Corta o Estado no sentido sudeste-oeste, passando por Jaciara tem como direção Porto Velho, em Rondônia.
– BR-070 – Faz a ligação entre Cuiabá e Brasília. Jaciara esta a 45 km desta rodovia.
– BR-080 – Faz a ligação entre as BRs 163 e 364.
– BR-8 – É um trecho de rodovia internacional que interliga Brasília a Caracas, na Venezuela.
– EIXO PACÍFICO – faltam apenas 460 Km de asfalto, entre Cáceres (MT) e San Ramon, na Bolívia; para chegarmos ao pacífico.
Aviação:
– CUIABÁ – O Aeroporto Internacional Marechal Rondon atende cerca de 500 mil passageiros por ano. De lá partem vôos para os principais centros do país. No aeroporto operam as seguintes companhias: Cruiser, Gensa, Trip, Gol, Vasp, Varig e Tam.
– RONDONÓPOLIS – O Aeroporto Municipal Maestro Marinho Franco é bem estruturado, com salas de embarque, desembarque e saguão, além de equipamentos que permitem pousos noturnos. No local opera a empresa Trip Linhas Aéreas.
Com muito ❤ por go7.site